quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Piada "realista"

Depois do almoço (chez moi e fantástico graças à companhia da minha querida melhor amiga), cheguei à escola uns minutos antes de tocar para entrar. Ao portão, fui recebida por três alunas, muito bem-dispostas (X, Y e Z).

X: Professora, a Y contou uma piada... quer dizer, disse uma coisa muito engraçada! 

Eu: Ah, sim?

X: Sim. A Z estava a dizer que as pessoas podem ter filhos a partir dos 12 anos... e a Y disse: "Ah! Então o meu irmão [que tem 11 anos e tal] está quase a ter um filho!"

Riam-se as três. 

Eu fiquei a pensar naquilo que a Z disse... Sem entrar em mais conversas, posso dizer que eu nunca poderia ter tido filhos aos doze, nem aos treze, nem aos catorze... (estou a referir-me à questão da maturidade física, apenas, independentemente das opções comportamentais. Fui uma late bloomer. A questão comportamental levou a que só pudesse ter filhos aos 33 anos, mesmo.)

6 comentários:

  1. Mas deixa lá que podes ter começado tarde, mas recuperaste bem o tempo! Se não me falham as contas, tiveste 3 filhos em 3 anos... Valente! (mais valente do que eu, que ando há anos a ganhar coragem e nunca mais é dia santo!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para ser exata, a Vassoura já tinha 3 anos, 1 mês e 20 dias quando nasceu o Feitiço - muito mais do que três anos, portanto! ;-)

      Se tiver de ser, será, se não tiver de ser, não será (é como eu em relação ao 4º!)

      Eliminar
    2. Quando eu te respondi (no meu blogue) que não me estás a ajudar era no seguimento desta conversa.
      Eu ainda não consegui arranjar coragem para ir ao terceiro, pelo receio de que a entropia cá em casa se multiplique de forma exponencial e eu não consiga dar conta do recado... E olha que queria muito ser corajosa como tu!

      Eliminar
    3. Não te forces, Escondida! Se acontecer, vais ver que não é uma questão de coragem, e o que se multiplica é o amor. Desconfio que um filho único consegue criar mais caos do que muitos irmãos (às vezes, note-se!)...

      Eliminar
  2. A máquina do tempo mostra-me que lá pelos 12-13 parecias mais uma fada etérea ou uma boneca de porcelana do que uma adolescente... ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seria uma boneca-fada-etérea-de-porcelana? :-)

      Eliminar

- Posso fazer o meu comentário?
- Claro que sim, mas tendo cuidado com a linguagem.
Obrigada!