quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Sonhos #14

Acho que desde que comecei a registar os sonhos no blogue com alguma regularidade, o meu cérebro habituou-se a lembrar-se deles também com mais frequência!

Esta noite sonhei com a Jumpingclay de Torres Vedras, mas era totalmente diferente da real (que eu aliás só conheço por fotografia):

A verdadeira.

No sonho, eu estava dentro da loja a fazer não sei o quê - possivelmente só a conhecer o espaço, que tenho muita pena de ainda não conhecer. A gerente da loja já conheço: é a Sofia e é muito querida, para além de ter umas mãos habilidosas como poucas!

Adiante. A loja estava cheia de crianças, mas a parte que me deixou curiosa foi que elas chegavam e traziam colchões, como se fossem dormir lá. Pensei: "Esta Sofia é mesmo dinâmica! Que iniciativa genial! Para os miúdos deve ser o máximo dormir aqui... Mas será que é mesmo isto que eu estou a pensar? Tenho de perguntar à Sofia..."

Mas a Sofia estava tão, tão ocupada que não lhe consegui perguntar nada. Achando que estava a atrapalhar, resolvi vir-me embora. Vi um livro numa mesa e pensei: "Parece giro! Vou levar emprestado e depois trago. A Sofia não se deve importar".

Saí da loja com o livro, mas depois de dar uns passos, apercebi-me que não podia fazer aquilo, até porque o livro podia nem ser da Sofia, e dei meia volta. Aí é que fiquei admirada, pois a parede exterior da loja parecia a de um prédio abandonado e não consegui encontrar a porta! Andei mais um bocadinho e vi uma janela aberta. Tinha imensas coisas (de Jumpingclay) junto à janela. Pousei lá o livro... e acordei!

2 comentários:

  1. Aqui deixo um apelo à JumpingClay para que, no mínimo, ofereça a esta amável Bruxa Mimi umas férias lá para os Orientes (Vietname? Coreia?) com visita guiada à sede mundial e fábrica... e, de preferência, incluindo um acompanhante alienígena. ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Alienus, por esta sugestão (nada interesseira, de resto) à JumpingClay. Esclareço que a sede mundial é na Coreia do Sul. Mas agora também há uma fábrica em Espanha (embora ainda não faça tudo o que a da sede faz)...

      Eliminar

- Posso fazer o meu comentário?
- Claro que sim, mas tendo cuidado com a linguagem.
Obrigada!