terça-feira, 30 de junho de 2015

Feitiço, filho único

A Vassoura e a Varinha estão em casa dos meus pais. Fomos levá-las ontem, depois do jantar.

O Feitiço desceu as escadas do prédio dos meus pais a falar em saudades das manas...

A Vassoura disse ao Feitiço, antes da despedida, as sábias palavras do Avô Bruxo:

- Feitiço, porta-te bem:
Não arrelies o papá,
nem arrelies a tua mãe!

O Avô, que tem sempre um pouco mais de sabedoria (e rimas) para partilhar, acrescentou um "verso", ficando assim a recomendação final:

- Feitiço, porta-te bem:
Não arrelies o papá,
nem arrelies a tua mãe!
Não arrelies ninguém!

Sem comentários:

Enviar um comentário

- Posso fazer o meu comentário?
- Claro que sim, mas tendo cuidado com a linguagem.
Obrigada!