segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Havia VS. Haviam

Por sugestão de uma querida leitora, neste post vou falar sobre a utilização de "havia" e "haviam". Não há muito a dizer. [Nota a posteriori: Não? Já viste bem o tamanho final do post?]

Basicamente, quando quiserem descrever o que havia em determinado contexto, cena, situação, whatever, não se preocupem se era singular (só um ou uma) ou plural (vário(a)s), porque a forma correta é sempre "havia".

Havia uma cegonha no telhado. / Havia várias cegonhas no ninho.

Havia um miúdo no escorrega. / Havia muitos miúdos nos baloiços.

Ah, mas e tal, "haviam" nem sequer existe? Se não existisse, de todo, como palavras com "e" e "i" depois de "ç", eu diria! Não é esse o caso.

O termo "haviam" utiliza-se apenas como verbo auxiliar, em vez de "tinham", mas o uso é pouco comum (pelo menos em Portugal), ou seja, na prática, atualmente (quase) não se utiliza.*

Exemplo: "haviam dito" = "tinham dito"

---------
*Explicação mais completa, retirada do "Guia Prático dos Verbos Portugueses", na sua 6ª edição (antes do AO):

"1. O verbo haver emprega-se em todas as pessoas [nota minha: "eu, tu, ele(a), nós, vós, eles(as)"]:
  • quando é auxiliar (equivalendo a ter) de um verbo pessoal:
a) seja com o particípioMaria havia comprado o livro tão desejado.
Esta construção é mais comum no Brasil. Em Portugal, prefere-se o auxiliar ter.
b) seja com o infinitivo antecedido da preposição de: Havemos de ir ao teatro. Não hão-de [nota minha: "hão de", segundo o novo AO] faltar lugares.
  • quando é verbo principal, com forma reflexiva, significando "ajustar contas", "entender-se": Zangado, o meu pai disse-me que me houvesse com a polícia.
  • [expressão de uso pouco corrente, que não transcrevo]
  • na expressão haver por bem, que significa "considerar conveniente", "resolver": O professor houve por bem mudar o teste. Todos nós havíamos por bem que se fizesse a experiência.

2. Emprega-se como impessoal:
  • quando significa "existir". [Não vou transcrever a explicação desta parte.]
  • quando indica tempo decorrido: muitos anos que não te via."**

**[A propósito desta parte, espreitem, se quiserem e ainda não o fizeram, este post e também este.]

4 comentários:

  1. Ai que booom! Muito obrigadaaa!! : ) Adoro aprender essas regras... porque já não me lembro de nada!

    PS.: quanto ao probema da actualização dos blogues eu uso o seguinte site: www.bloglovin.com é super fácil.. é só uma dica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já espreitaste as outras "lições da Mimi"?

      Obrigada pela dica, que até já tinha visto no "Querido"... :-)

      Eliminar

- Posso fazer o meu comentário?
- Claro que sim, mas tendo cuidado com a linguagem.
Obrigada!